A Bela Velhice – vídeo

O tamanho da vaidade no Brasil. De um lado, algo positivo: a mulher brasileira investe cada vez mais em si mesma. De outro, o negativo: uma insatisfação eterna consigo. Aceitar o processo de envelhecimento ou tentar se “congelar” no tempo? Esse vídeo da antropóloga e escritora Miriam Goldenberg é bem curtinho, tem menos de cinco minutos, mas faz pensar um bocadinho a este respeito. Olha só:

a bela velhice | com mírian goldenberg from Henrique Lukas on Vimeo.

O vídeo trata do livro “A Bela Velhice”, de autoria da própria Miriam Goldenberg e lançado em 2013. Na obra ela trata do envelhecimento da sociedade, do significado de “envelhecer” na nossa cultura, sobre felicidade na velhice, ao mostrar que a “bela velhice” está ligada a um “belo projeto de vida”.

Taí um livro que preciso ler, afinal, estou envelhecendo – não a partir dos 40, mas desde que nasci, assim como você e qualquer outra pessoa, certo?

Um Senhor Estagiário: risadas e pensamento no futuro

use_600x600-exib

Eu não consigo me ver aposentada. Tenho a impressão de que, por vários motivos, nunca pararei de trabalhar. Aliás, cometo o erro de nem me preparar pra esse momento, tanto financeiramente quanto mentalmente. Digo isso porque tem gente que simplesmente não se acostuma a um dia-a-dia diferente, sem as obrigações que tinha antes.

Foi assim com Ben Whittaker, 70 anos: ele não se acostumou à aposentadoria. Então arrumou uma nova ocupação: estagiário em um site de moda! A partir daí ele se depara com uma dinâmica de trabalho diferente da que conhecia, enfrenta obstáculos que nem sabia que existiam, faz novos (e jovens) amigos e tudo mais. Ben é o personagem principal do filme Um Senhor Estagiário ” (clica aí pra ir pro site do filme), estrelado por Robert De Niro e que já está em exibição nos cinemas.

Do outro lado da história do estagiário setentão está a jovem chefe dele, Jules, vivida por Anne Hathaway. Ela está naquela fase de se atolar em trabalho e não dar conta de tudo, de ter que conciliar família e todo o resto. Não usufrui da vida. Um contraponto ao personagem de De Niro – ou, melhor dizendo, eles se completam, mostram novas realidades e modos de lidar com isso.

Enfim, temos uma boa comédia, pra rir, passar o tempo e distrair a mente, mas também temos em “Um Senhor Estagiário” uma boa reflexão sobre o que estamos fazendo de nossas vidas hoje e estamos nos planejando para o futuro e suas novas realidades. E então, você já pensou em como espera estar daqui a alguns anos? Me conta aí!

* ATENÇÃO! Promoção relâmpago para ganhar um par de ingressos para ver o filme “Um Senhor Estagiário” rolando na página do do Novos40 no Facebook AGORA!