Sobre Claudia Giane

Jornalista, 40. Trabalha com mídias digitais há alguns anos e continua tentando o que houver para ser tentado. Além do #novosquarenta, também tem o "Bolsa de Novidades" e o "Eu falo sozinha".

Projeto Felicidade: o livro

Para começar bem 2018 vou recomendar um livro que vai ficar com você o ano inteiro: “Projeto Felicidade”. Parece uma simples auto-ajuda, mas não é. A autora Gretchen Rubin mostra o caminho que ela percorreu para ser mais feliz na vida. Objetivos que procura atingir, mês a mês, com um planejamento bem delineado. São como resoluções de início de ano que seguem um plano de execução.

Uma coisa boa do formato que a autora escolheu é ver que a busca pela felicidade deve ser um processo contínuo, que permeia várias áreas da vida: trabalho, relacionamento familiar e a sua relação consigo mesmo são algumas delas. Gretchen propõe alguns exercícios diários que, você vai ver, em sua maior parte são simples de executar – e podem fazer uma diferença tremenda em sua vida! A todo instante, uma nova oportunidade aparece e o livro mostra caminhos para aproveitá-las da melhor forma.

Outra coisa bacana: a proposta apresentada por Gretchen é para um ano, então pode seguir tranquilo, que tem bastante tempo para executar tudo direitinho. Uma boa para começar bem 2018, não acham?

Aqui você encontra o livro para comprar:Projeto Felicidade

Uma sessão de exercícios já protege o coração

Uma única sessão de exercícios já vale para proteger o coração. É o que diz o estudo publicado no periódico da Associação Médica Americana e no site The Conversation. Ou seja: já no primeiro dia que você começa a se exercitar, já colhe benefícios , pois há a liberação de substâncias que reduzem a gravidade de infartos.

Para chegar à essa conclusão foram realizados testes com ratos, em que ataques cardíacos foram induzidos e, posteriormente, foram comparados tecidos cardíacos dos animais que havia acabado de se exercitar com aqueles que não haviam feito exercícios. Também foram realizados testes com coelhos, injetando neles sangue de humanos que haviam acabado de se exercitar – mais uma vez, os danos ao coração foram menores do que aqueles que não tinham na circulação os “efeitos dos exercícios”.

Vale dizer que esses efeitos foram modestos, mas são muito importantes. Afinal, achava-se que eles só aconteceriam quando a perda de peso e a diminuição de colesterol e insulina acontecessem – consequências que demoram a vir. Mas, agora se sabe que os benefícios aparecem já desde o início da prática de exercícios.

Importante lembrar que a Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda, para adultos de 18 a 64 anos, no mínimo 150 minutos de intensidade moderada de atividade física aeróbica por semana ou pelo menos 75 minutos de intensidade vigorosa de atividade física aeróbica por semana.

Mais um bom motivo para colocar o “mexer-se” como uma meta para 2018, não acham?

Chocolate e vinho são fontes da juventude!

Um estudo recente das universidades de Rexter e Brighton, no Reino Unido, confirmaram: o segredo para se manter jovem pode estar no vinho e no chocolate. O estudo diz que uma combinação dos dois poderia retardar o envelhecimento. Um componente químico encontrado em chocolate amargo (escuro), vinho tinto, uvas vermelhas e em bluberries poderia rejuvenescer células velhas, fazendo com que elas se comportem como células jovens novamente.

O segredo do sucesso está no resveratrol e seus semelhantes. Os pesquisadores esperam que a pesquisa resulte em terapias que façam com que a pessoa não tenha tantos problemas degenerativos, à medida que envelheça. É ainda um estudo, mas já com os efeitos desses alimentos comprovados. Então vamos aproveitar!

As Mulheres sem Idade

Passou da metade do mês e eu escrevendo sobre uma revista que chegou às bancas no início do mês. Mas é por um bom motivo: a revista Claudia deste mês tem como tema “Idade não é Limite”, algo que tem tudo a ver com o Novos40. Na capa, a atriz, apresentadora etc. Regina Casé, diva do movimento “ageless“, ou seja, aquele que mostra que não existe “idade certa” para as coisas, que sempre é tempo. A matéria com ela, que se tornou avó há poucos meses, está bem bacana e fala de trabalho, casamento e maternidade, entre outras coisas.

Também tem outra matéria, muito legal, chamada “Idade não me Define”, que mostra mulheres que começaram a fazer coisas – virar fotógrafa e andar de bicicleta, entre elas – em idades que alguns poderiam achar “tarde demais” pra aquilo. Belos exemplos, aconselho as leituras!

Aniversário: Maggie Gyllenhaal

Quem chega aos 40 anos de idade hoje é a atriz americana Maggie Gyllenhaal. Conhecida por seus papeis em Donnie Darko, O Sorriso da Monalisa, Batman – O Cavaleiro das Trevas e Nanny McPhee, entre outros, ela já foi premiada com um Globo de Ouro e indicada ao Oscar. Pra celebrar a data, trouxe umas fotos do estilo de Maggie:

Como se pode ver, ela tem um estilo meio indie, marcado por aquele pezinho no passado, mas com uma pegadinha moderna. Um jeito bem feminino, mesmo quando estava com cabelo bem curtinho, estilo pixie. Acho um estilo bonito. E vocês, o que acham dela?

O estilo Leonardo Dicaprio

Hoje é aniversário do galã de várias gerações: Leonardo Dicaprio completa 43 anos. Acho que desde que começou a fazer filmes também entrou no sonho de muita gente, né? Talvez isso até tenha atrapalhado para que ele conquistasse o Oscar – que chegou no ano passado, com “O Regresso”.

Peguei algumas fotos pra mostrar o estilo dele e, ao pesquisar, vi que não varia tanto assim: nas ocasiões formais, terno ou smoking. No mais, ele normalmente é bem informal mesmo: boinas e bonés são constantes, assim como óculos escuros, bermudas, bastante jeans e sapatilhas tipo alpargatas, bem descontraído e “gente como a gente”. Para quem curte, não é complicado copiar o estilo desse quarentão, quando o assunto é moda. Inteligente, sabe se manter em alta no meio cinematográfico há anos – isso é mais complicado de fazer igual.

Como manter a pele bronzeada com mais saúde

Chegou o verão! Ok, ainda não chegou, oficialmente ainda estamos na primavera, mas pras bandas de cá o sol já tem estado a pino – parece estranho dizer isso do Recife, mas a verdade é que sempre temos um período com muitas chuvas e, posso dizer, este ano foi um tempo extenso, parecia que não ia acabar.

Mas eu estava lembrando que quando a gente era mais novinho ou mesmo criança o bonito era se bronzear. Ninguém passava protetor solar (ô, erro!), que acho que nem existia, a gente passava bronzeador ou, mais comum, não passava nada na pele! Tudo errado! Mas tinha uma coisa interessante: para conseguir um bom bronzeado a gente também investia no consumo de betacaroteno! Aí, sim, uma coisa boa!

Naquela época se dizia que o betacaroteno ajudava o bronzeado a “pegar” mais rápido e a ficar mais tempo na pele. E é verdade! O betacaroteno é um carotenoide, pigmentos naturais de algumas plantas e que ajudam a acelerar o processo de bronzeamento, já que ajuda no processo de produção da melanina. Acontece que o betacaroteno também tem outras propriedades:

  • É bom para a visão – é convertido em retinol pelo organismo
  • Combate os radicais livres, é antioxidante
  • Colabora na preservação do colágeno, que melhora a elasticidade da pele
  • Ação protetora das células
  • Tonificação dos cabelos
  • Fortalecimento das unhas
  • Bom para os ossos
  • Melhora a imunidade

Para ter essas propriedades do betacaroteno basta consumir produtos como cenoura, suco de laranja com beterraba, folhagens verde-escuras, mamão, abóbora/jerimum, brócolis e pimentões. Então, já sabe: quer manter a cor do verão e ainda ter mais saúde, uma boa salada e um bom suco já ajudam!

Teste de DNA para cuidar da pele

Como saber qual o seu tipo de pele, que cuidados deve ter, que produtos deveria usar? Bem, um bom dermatologista poderia dizer tudo isso, mas uma moda, que já chegou aos Estados Unidos, deve chegar por aqui também: teste genético específico para tratamento de pele.

Por esses dias eu li sobre o HomeDNA Collection Kit, com o qual a pessoa pode fazer um teste de DNA em casa mesmo, de modo indolor, enviar ao laboratório e receber, posteriormente, informações preciosas sobre sua própria pele. Entre essas informações, estão quanto você é sensível a raios solares, o nível de elasticidade da sua pele e que suplementos alimentares você deveria tomar e até tratamentos que já deveria começar a fazer. Dá até pra saber com que rapidez sua pele provavelmente vai ter rugas!

Eu achei bacana a possibilidade de fazer um teste desses assim, bem facilmente, saber por que minha pele é do jeito que é e que cuidados eu deveria ter para prevenir algumas coisas, no futuro e de forma tão detalhada. Acho que, junto com o médico, tornam-se uma dupla imbatível no cuidado com a pele. Fiquei com vontade de experimentar esse teste. Alguém aqui já experimentou?

Usei: Anticaspa Dercos Vichy

Há um tempinho me surgiu um problema chato: caspa. Vocês sabem que não é sujeira e nem sempre é provocada por algum produto que você tenha usado? É bem possível que seja por fatores emocionais, mas, claro, é preciso tratar para se livrar – até porque coça e é bastante feio.

Como parte do tratamento que me foi passado pela dermatologista está o xapu Dercos Anticaspa, da Vichy. Um problema que tenho em usar xampus anticaspa é que meu cabelo já é muito seco e esses produtos normalmente deixam os fios uma palha. Sabe que o Dercos não faz isso? Não posso dizer que ele deixa os cabelos macios, mas eles ficam normais, não viram palha – e isso já é muita coisa quando se está fazendo um tratamento assim, concordam?

Então fui pesquisar o site da Vichy e vi que tem o xampu também com ação energizante e nutrirreparador – esses com condicionador (o anticaspa não tem). Recomendo a marca e a linha.

Baddie Winkle no Brasil

Existem vários perfis bacanas de pessoas mais velhas, no Instagram. Aqueles que servem de inspiração, sabe? Um desses perfis é o da Baddie Winkle, a “Glam-Ma” (Vovó Glamour). E não é que ela está no Brasil, desfilando os seus looks ousados? Veio para o Rio de Janeiro, em uma ação da Hotels.com, em que está cumprindo a sua listinha de “coisas para fazer antes de morrer”, a #BadAssBucketList.

Aí eu fui olhar a lista dela:

  1. Visitar as cataratas do Niagara
  2. Fazer drinks na laje de um bar em NY
  3. Fazer um touchdown com um jogador do Dallas Cowboy
  4. Andar de helicóptero sobre o Grand Canyon
  5. Sambar com cariocas no Rio de Janeiro
  6. Assistir um jogo de vôlei de praia em Ipanema
  7. Levar um príncipe ao Palácio de Buckinghan
  8. Assistir uma performance no Moulin Rouge, em Paris
  9. Cantar, dançar e beber em um pub irlandês
  10. Conhecer a Londres gay

E aí, o que acharam da lista dela? Já pensaram em fazer uma de “coisas a fazer antes de…” (dos 50 anos, de se aposentar, de morrer…você decide)?