Sobre Claudia Giane

Jornalista, 40. Trabalha com mídias digitais há alguns anos e continua tentando o que houver para ser tentado. Além do #novosquarenta, também tem o "Bolsa de Novidades" e o "Eu falo sozinha".

Conheça os “perennials”, as pessoas “sem idade”

Mulheres de 40 anos e mesmo 50, em grande número não se sentem de “meia-idade” – o que a gente já havia colocado aqui no blog algumas vezes, de outras formas, foi comprovado em pesquisa do Telegraph. A pesquisa foi feita com mais de 500 mulheres no Reino Unido, mas creio que reflete bem o que se passa aqui também.

Vi essa matéria no Telegraph graças à amiga Sam Shiraishi, do ótimo A Vida Quer, ela mesma na casa dos 40, como eu. Uma pesquisa mostrou dados interessantes: mais de 2/3 das mulheres que responderam acham que estão nos melhores anos de suas vidas, 59% sentem-se vibrantes e jovens como nunca e 84% apenas não se define pela idade. E, ainda, 80% acham que a sociedade não as vê como realmente são.

Muitas dessas mulheres não aparentam a idade que têm e não se identificam minimamente com o termo “meia-idade” como hoje se define. A pesquisa foi feita pelo grupo Super Human e uma das fundadoras, Rebeca Rhodes, acha que as empresas têm muito foco nos chamados millenials, mas esquecem o grande poder de compra de quem tem mais de 40 anos – algo grave, levando em conta que no Reino Unido 1/3 dos trabalhadores estarão acima dos 50 anos.O resultado? As mulheres mais velhas acabam usando produtos que foram desenvolvidos ao se pensar nas mulheres mais jovens.

O termo “meia-idade” está ficando obsoleto. As pessoas que têm por volta de 40 e 50 anos hoje são conhecidas como “perennials“. Pessoas de todas as idades, que têm amigos também de todas as idades, que curtem tecnologia, que sabem o que está acontecendo no mundo, são criativas, colaborativas, enfim, vivem de fato o mundo. Até o jeito de se vestir dessas pessoas não se identifica com o de “mais velhas” – até porque as que se sentem assim acabam por aparentar mesmo com mais idade. Não é que elas tenham que se vestir como “jovens”, mas usam um tipo de roupa que não tem idade, simples assim. As atrizes Julianne Moore, Emma Watson e Julia Roberts estariam nesse grupo “sem idade definida”.

As novas mulheres entre 40 e 50 anos têm mais confiança em si mesmas para trabalhar e emitir opinião, são ambiciosas (de modo positivo) e gostam de novos desafios, são ativas. No mesmo caminho, as empresas começam a definir seus clientes pelas preferências deles, não pela idade que têm – sem idade, como os perennials, cuja tradução, aliás, faz todo o sentido: são perenes. E, assim, as definições limitantes são ultrapassadas.

* A matéria completa sobre o assunto está aqui

Evento para a maturidade, no Rio de Janeiro

Dica para quem está no Rio de Janeiro: hoje (05/07) e amanhã acontece na Varanda do Botafogo Praia Shopping o evento Saúde, Beleza & Bem Estar na Maturidade, com um bate-papo bacana sobre mudanças que acontecem com as pessoas após os 50 anos de idade. O encontro é promovido pela plataforma #Atitude50 e traz os seguintes assuntos:

  • Hoje (05/07)
    • Efeitos da menopausa na aparência e como melhorar a pele nessa fase da vida, com a dermatologista Graça Silveira
    • Relacionamentos: mitos e verdades pós 50 anos, com a terapeuta sexual Cristina Barros
  • Amanhã (06/07)
    • Inventários e questão de sucessão e familiares, com a juíza Andrea Pachá
    • Previdência privada, INSS e poupança como preparação para a aposentadoria, com a gestora de negócios Patricia Campos

O evento começa a partir das 19h no Varanda Botafogo Praia Shopping e a entrada é gratuita. Aproveitem!

Cameron Diaz, casada aos 42

Em dias de hoje ainda há quem pense em “idade pra casar”. Confesso que as vezes me contamino por essas ideias bobas que circulam e penso “acho que está tarde demais pra mim”. Nunca foi meu projeto de vida, mas não significa que não estivesse aberta à ideia, entende?  Aí aparece Cameron Diaz, que se casou aos 42 anos, e em um evento da amiga Gwyneth Paltrow e dá a real. Gwyneth perguntou à amiga porque ela esperou até estar na casa dos 40 para casar, ao que ela disse prontamente “Eu ainda não havia conhecido meu marido”.

Ela completou dizendo “Mulheres são muito objetificadas, mas meu marido tem conseguido me mostrar o que é não ter isso em um relacionamento e a sermos iguais”. “Meu marido é meu parceiro na vida e em tudo”. Eles se casaram em 2015, quando ela tinha 40 anos.

O relato da atriz fez com que várias mulheres mostrassem, nas redes sociais, sua identificação com a atriz, dizendo também preferirem casarem-se mais velhas, com alguém que realmente valha tentar o casamento. E você, o que acha?

Steve Carrel, grisalho e cobiçado

O ator Steve Carrel é conhecido por muitos papeis no cinema, entre eles “O Virgem de 40 anos”. O que talvez ele não esperasse e está acontecendo agora, aos 54 anos era se tornar o grisalho mais cobiçado de Hollywood, posto que várias revistas e sites de celebridades estão dando a ele.

Ele apareceu grisalho para a estreia do “Meu Malvado Favorito 3”, que estreia esta semana. Parece que foram mesmo os cabelos que fizeram fãs abrirem os olhos para ele – que, aliás, parece não estar acostumado ainda ao assédio e diz que se trata apenas de genética. Mas ele está tirando onda do assunto, dizendo que agora faz parte do mesmo “clube” de George Clooney, o “Caras com cabelo grisalho sexies club”. Essa turma na “casa dos enta” está super bem, hein?

Cheiros e temperos no Oficina do Sabor

Sei que já trouxe o restaurante Oficina do Sabor algumas vezes ao blog, mas, olha, no que depender de mim ele vai aparecer ainda outras vezes, tá? É como eu estava comentando com amigos: é um lugar daqueles tão agradáveis de estar que você nem vê o tempo passar. Se o próprio chef Cesar Santos estiver por lá pra uma conversinha rápida e simpática, então, é maravilhoso. E ainda tem os pratos deliciosos da casa, claro.

Desta vez fui pra apresentação dos pratos do Festival Sabores do Mundo, realizado em parceria com a Bombay Herbs & Spices, referência quando o assunto é tempero e especiarias. Portanto, pode esperar muitos aromas e sabores interessantes! Quem escolher o cardápio do Festival (98 reais) tem direito a entrada, prato principal, sobremesa e uma taça de vinho. Antes dos pratos, vem o mix de boas-vindas, com um caldinho de jerimum com manga e chips de gengibre e queijo coalho com pimenta da jamaica.

De entrada eu pedi a Lula Adorei o Cheiro, um trocadilho com a lula a dorée, que vem em aneis, acompanhada de uma deliciosa geleia de curry com manga (favor não confundir com chutney). A outra opção é o Espetinho Esperto, que vem acompanhado de molho barbecue. De principal eu optei pelo Bacalhau Dourado de Cheiro, que vem perfumado por cinco especiarias e acompanhado de um delicioso purê de grão de bico, além do cuscuz do chef. Outras opções eram o Carneiro Assanhado, com molho Berberé (novidade para mim) e arroz libanês ou o Camarão Danado no Perfume, muito lindo, empanado na farinha de castanha e acompanhado de purê de beterraba.

Para a sobremesa, algo que está virando marca registrada do Oficina: um mix de sabores. O Me dê um cheiro tem pudim com cardamomo com chantilly, tapioca frita no perfume de “apple pie spice mix” com doce de leite e sorvete de menta com licor de cravo e canela.

Quem escolhe o cardápio Festival Sabores do Mundo ainda concorre a um almoço ou jantar no restaurante para até quatro pessoas! Mas corra: o festival só fica “em cartaz” por um mês. Uma boa pedida para este final de semana, hein?

Sete hábitos de pessoas que envelhecem bem

Essa listinha saiu na In Style e achei por bem trazer pra cá, pra ver se a gente lembra de seguir e também chegar lá de boas:

  1. Mantenha uma atitude positiva – Você é o que você pensa! Pessoas mais velhas que acham que idade é sinônimo de sabedoria e satisfação são 40% mais propensos a se recuperarem de algum incidente do que aqueles que acham que idade é sinônimo de inutilidade.
  2. Preste atenção no que você come…- As últimas pesquisas mostram que uma dieta com baixo índice glicêmico, rica em frutas e verduras frescas, grãos integrais e proteína magra é mais saudável. A Dieta do Mediterrâneo, que envolve tudo isso e tomar vinho (com moderação), diminuir o sal e comer peixe duas vezes por semana é um bom exemplo. O seu tipo de dieta, também mostram pesquisas, pode ajudar você a envelhecer melhor e livrar de ataques do coração, derrames e morte prematura. Alimentos ricos em Ômega 3 ajudam a manter a pele mais jovem por mais tempo, além de serem saudáveis. Por outro lado, alimentos açucarados, com carboidratos pesados e gordurosos, como pão branco, refrigerantes e salgadinhos podem acelerar o processo de envelhecimento.
  3. …e no quanto você come – Comer demais podem provocar doenças cardiovasculares e diabetes tipo 2.
  4. Se exercite regularmente – Estar ativo é parte essencial para envelhecer bem. A mulher comum perde, em média, 23% da massa muscular entre os 30 e os 70 anos. Quanto mais você perde, mais envelhece. Exercícios podem fazer aumentar essa massa muscular, mesmo que você esteja com 90 anos! Se manter fit também pode prevenir casos de demência.
  5. Mantenha-se sociável – Amigos e familiares podem fazer você viver mais. Quem tem laços sociais fortes têm 50% chance de viver mais, dizem pesquisas.
  6. Proteja a sua pele do sol – Sol demais, já sabemos, causa rugas e até câncer. Quanto à produção de Vitamina D: bastam pouquíssimos minutos ao sol.
  7. Durma bem – Você provavelmente já sabe que deve dormir entre sete e nove horas por noite, que é o que ditam pesquisas. Não dormir bem aumenta o risco de obesidade, doenças do coração e diabetes. Cochilos também ajudam a melhorar a memória. Além disso, durante o sono o seu corpo produz o hormônio do crescimento que ajuda a restaurar os níveis de colágeno e elastina, essenciais para manter a pele jovem. Dormir pouco, também é bom dizer, acelera o processo de envelhecimento do cérebro.

Nada que não realmente soubéssemos, mas sempre com coisas novas. Sempre bom lembrar, certo? Se vamos viver muito tempo, que seja da melhor forma!

Forneria 1121: além do forno

Dia desses fui convidada para ir à Forneria 1121, restaurante jovem, mas bem conhecido aqui no Recife principalmente por causa das suas ótimas pizzas. O objetivo era conhecer o novo cardápio da casa, elaborado pelo chef Lelo Rosa. Fui surpreendida, porque ele transformou 70% do menu do lugar e trouxe novidades bem arrojadas.

Quando digo arrojadas,quero dizer que ele foi além do forno que faz a fama da casa. A salada caprese transformada em uma musse maravilhosa, por exemplo, ou a lula crocante com maionese de lemon pepper, deliciosa! Pra dar um clima especial, uma legítima raclette, com o cheiro do queijo derretido invadindo o lugar e despertando ainda mais o apetite (acompanha batatas rústicas, presunto cru, torradas com zattar e aspargos).

De principal experimentei três (!!!) pratos: pescada amarela com risoto de abobrinha e espuma de limão siciliano – que refrescância!-, nhoque defumado com espuma de parmesão (ainda sonho com ele) e um maravilhoso mignon de cordeiro. Pra completar, de sobremesa, um surpreendente brigadeiro com BACON, mistura inusitada e deliciosa!

Claro que, como não poderia deixar de ser, pela tradição da casa, a Forneria 1121 também está com novidades no cardápio de pizzas. E, se eu fosse você, apostaria nos drinks da casa – o Red & Yellow que eu tomei é sensacional!

Então fica a dica de um lugar pra conhecer, aos que nunca foram, e para voltar, aos que ainda não conheceram as novidades do cardápio. Afinal, ser positivamente surpreendida é sempre algo bom a ser encontrado em um restaurante, certo? O lugar é na avenida Rosa e Silva, zona norte do Recife e a fanpage pra você ver mais sobre a casa está aqui. Os pratos que experimentei eu mostrei no Instagram do Novos40.

Show: 20 anos de O Grande Encontro

Ainda estou de férias e hoje vou a um show lindo: O Grande Encontro 20 Anos, com Alceu Valença, Elba Ramalho e Geraldo Azevedo. Eu ainda tenho os CDs (!) daqueles shows de décadas atrás, lindos de se acabar, mas não havia ido a eles. Então esta será a noite de cantar junto e me emocionar com essas três estrelas da música brasileira (no primeiro CD também tinha Zé Ramalho, mas ele saiu do projeto, infelizmente).

O show será esta noite no Classic Hall, aqui no Recife, e está com uma novidade maravilhosa: ingressos sociais pra ajudar os desabrigados da chuva, por 30 reais + 2kg de alimentos não perecíveis. Bora, gente? Vai ser massa!

Pra já ir entrando no clima, olha aí o link para as músicas do show no Spotify:

P.S. Agradecimentos à assessoria do show pelos ingressos <3

Banco de Currículos para +50

Quanto mais velho, mais difícil conseguir uma colocação no mercado de trabalho. Convenhamos: a realidade é essa. Mas essas pessoas podem ter muito a acrescentar às empresas, com a sua experiência, vontade de mostrar trabalho e conhecimentos adquiridos ao longo do tempo. É bom para as empresas e para as pessoas, que se mantém motivadas (não são raras as histórias de pessoas que têm um declínio rápido da saúde assim que deixam de trabalhar).

Então, para juntar essas pessoas mais maduras, com bom currículo, e empresas eis que surge a MaturiJobs, plataforma de currículos voltada para pessoas que têm mais de 50 anos de idade. Os ‘Novos40″ ainda não estão lá, mas é bom lembrar que não está tão longe assim, né? Achei a ideia sensacional! Vale dar uma olhada. Empresas também podem se cadastrar para receber esses profissionais.

P.S. Aproveitando o tema, olha outro banco de currículos bacana: o Contrate uma Mãe é voltado para as mães que querem voltar ao mercado de trabalho. As empresas que se dispõem a contratá-las também podem se cadastrar. Bacana, não acham?

Os segredos da juventude de Susan Sarandon

Foto: AOL

Se tem uma atriz que eu admire fortemente esta é Susan Sarandon. Além de fazer um trabalho incrível, ela é altamente engajada em várias causas e, ainda por cima, tem uma boa forma invejável. Com aqueles olhos gigantescos, não tem uma beleza comum, mas é de chamar atenção. Mas, enfim, o espanto é: ela tem 70 anos, caramba! Como ela se mantém tão bem? Recentemente ela divulgou alguns de seus “segredos” à Vogue UK. Veja só:

  • Permanecer engajada e curiosa
  • Valorizar o tempo que tem
  • Não fumar nunca
  • Permanecer hidratada
  • Hidratar bem a pele
  • Não beber demais – ela toma vinho em doses moderadas, de vez em quando

Como ela é embaixadora da L’Oreal, claro que tem acesso a produtos de beleza de primeira linha para cuidar da pele e do corpo. Agora, veja só, não é só a gente que se espanta em saber que Susan já tem 70 anos de idade e concorda que não parece. Ela também fica e relata: “Eu fico chocada em que eu mesma tenha 70 anos! Eu fico pensando que eu sou mais jovem e me sinto assim por dentro!”.

Acho que são bons conselhos para quem pretende chegar aos 70 como ela, hein? Pra completar, só um comentário: Susan ótima em Cannes com esse decotaço!